Escritora de MS lança livro de crônicas no mês da literatura

Escritora sul-matogrossense tem reconhecida experiência literária com contos, crônicas e poesias

Abril é um mês especial. Nele se celebra um dos hábitos humanos mais fascinantes e libertadores: a leitura. Tanto que nos dias 02 e 18/4, são comemorados o Dia Nacional e o Internacional do Livro Infantil, respectivamente, além do Dia Mundial do Livro em 23/04. Com tantas datas festejando a Literatura, abril de 2022 traz ainda uma ótima notícia para os leitores de Mato Grosso do Sul: no dia 07/04 será lançado “Um Palmo e Meio de Proseio”, o primeiro livro de crônicas da poeta Sylvia Cesco.

Por ser um gênero que registra acontecimentos da vida cotidiana, a crônica está quase sempre em sintonia com os assuntos gerados nas ruas de uma cidade, retratando o espaço urbano, os acontecimentos e os tipos humanos que passam por ali, resultando em valioso e didático acréscimo aos acervos de fontes tradicionais de pesquisa histórica.

“Entre outras funções maravilhosas, a Literatura desempenha um papel fundamental para a preservação da memória de um povo”, afirma Sylvia Cesco. De fato, em “Um Palmo e Meio de Proseio”, desfilam tipos comuns, personagens anônimos e figuras públicas conhecidas de MS, como a Profa. Maria da Glória Sá Rosa, o Dr. Wilson Barbosa Martins, o poeta Manoel de Barros, o escritor Abílio Leite de Barros, entre outros. O olhar sensível da autora ao conviver com eles, os traz para perto do leitor em linguagem coloquial, leve, poética e até mesmo bem-humorada.

“Os personagens do livro são desta Cidade Morena, onde nasci, e que tanto amo, e os ‘causos’ foram vivenciados por mim. Ninguém me contou, ficaram registrados na minha memória afetiva”, conta a autora.

Perguntada sobre qual seria, na opinião dela, o segredo de um bom texto, Sylvia Cesco não titubeia e responde: “Para mim, qualquer texto, em qualquer gênero, prosa ou poesia, precisa transmitir encantamento, seja em seu conteúdo ou em sua forma”. A autora lembra ainda que a sua ex-professora Maria da Glória Sá Rosa e também a amiga Ceila Puia, ambas já falecidas, foram as grandes incentivadoras para que ela escrevesse, conhecedoras que eram, na intimidade, dos seus textos. E completa: “Expressar sentimentos, ideias, opiniões por meio da palavra escrita, seja em poesia ou em prosa, é a minha grande paixão. A palavra é a minha pátria”, afirma.

O livro “Um Palmo e Meio de Proseio” traz um QR Code em sua contracapa que remete ao canal da editora e produtora Marruá, Arte e Cultura no YouTube. Nele, os leitores terão acesso a vídeos com três crônicas do livro interpretadas pela diretora da Marruá, a atriz Andréa Freire, mostrando um pouco do universo da obra.

“Um Palmo e Meio de Proseio” foi financiado pelo Fundo de Investimentos Culturais- FIC, da Fundação de Cultura do Governo do Estado de MS e será lançado pela editora Marruá, Arte e Cultura, no dia 07 de abril, a partir das 19h30, na Plataforma Cultural, antiga estação ferroviária. Será um evento informal em que não faltarão músicas, outra paixão de Sylvia Cesco, além de outras interessantes interferências culturais.

Fonte: Acrítica

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Precisa de ajuda?